Campeã do ‘BBB 16’, Munik diz: ‘Quis dar na cara da Cacau várias vezes’

RIO – Campeã mais jovem de todas as edições do “Big Brother Brasil”, Munik Nunes, de 19 anos, conta que demorou bem pouco para entender o jogo e começar a se posicionar na atração. Para a goiana, de origem humilde — ele é filha do moto-taxista Werinston Leriani Di Pina com a meredeira Doracy Nunes —, a casa do reality show paracia um sonho. Mas só no início do programa.

— Quando entrei no programa eu só pensei em como aquela casa era incrível e muito diferente de tudo o que eu já tinha visto. Sei que convivi com outros participantes que tinham condições melhores que a minha, mas isso nunca me confundiu. Entrei para ganhar o prêmio e ajudar meus pais. Prometi para eles que eles não iam mais precisar trabalhar.

Veja também

Matheus e Cacau: é namoro!’Não quero nunca desgrudar daquele homem’, diz Cacau sobre Matheus
Munik campeãAos 19 anos, Munik é a mais jovem campeã do ‘Big Brother Brasil’
Ronan está namorando a ‘pessoa especial’ que sempre falava durante o ‘BBB16”BBB 16’: Renan está namorando com sua ex, Cinthia Mayumi
A apresentadora Mel Gonçalves‘É importante sair do armário e ter nossa voz ouvida’, diz apresentadora
No começo, Pequi, como ficou conhecida no “BBB 16”, achou que bastaria “ser sincera e boazinha” para ganhar o prêmio de R$ 1,5 milhão.

— Foi na primeira semana, quando percebi que seria indicada ao paredão, que a ficha caiu. Resolvi entrar naquele jogo. Não ia deixar ninguém me mandar para casa antes da hora. Era uma promessa para meus pais.

DORMINDO COM OS ‘INIMIGOS’

Pequi explica que ter dormido inicialmente no quarto amarelo, onde estavam Adélia, Juliana, Renan, Cacau e Matheus ajudou em sua estratégia. Apesar de ter se identificando mais com Ana Paula, Ronan, e Geralda, ela sabia que ficaria atenta às fofocas e aos planos dos concorrentes.

— Entrei por acaso no outro quarto, mas usei isso a meu favor quando percebi que existia uma disputa entre dois grupos. No quarto amarelo, eu podia ouvir os planos deles e conseguia me defender e defender meus amigos.

MATURIDADE EM ALTA

Munik acredita que conquistou a todos com seu estilo divertido. Mas a goiana também demostrou ter uma maturidade que muitas vezes não combina com a sua idade.

— Sempre ouvi muito os meus pais e andei com pessoas mais velhas. Tenho consciência de que sou madura para minha idade. Não sou tão mole quanto a Cacau, por exemplo — detona.

SEM MEDO DE BRIGAR

A potiguar, que ficou em segundo lugar no programa, foi, segundo Munik, alvo de sua ira.

PUBLICIDADE

— Quis dar na cara da Cacau algumas vezes. Ela sabe disso. Mas me irritava um pouco com certas coisas, apesar de gostar dela. Acredito que, se eu fizesse parte do outro grupo, teria brigado com a Ana Paula sim. Mas eu disse para as pessoas o que penso, inclusive para a Ana.

A nova milionária pretende ajudar aos pais, comprar um aparelho de celular moderno para postar nas redes sociais o seu novo estilo de vida. Também deseja trabalhar no meio artístico.

— Esse prêmio é da minha família. Meus pais farão com o dinheiro o que eles acharem melhor. A Cacau disse que queria sentar no sofá do Jô Soares, ser entrevistada pelo Serginho Groisman, Fátima Bernardes… Eu também quero. Adoraria trabalhar nesse meio. Quero tudo, estou aí para o que der e vier. Gostei de saber que meus seguidores cresceram como nunca sonhei antes e quero fazer vídeos e fotos para eles não me abandonarem.

FONTE: GLOBO

Responda