Bayern faz gol-relâmpago, mas para na defesa do Benfica

O Bayern arrancou o grito da torcida logo no primeiro lance, mas acabou encarando adversário cascudo em Munique. A vitória por 1 a 0 do time de Pep Guardiola diante do Benfica foi marcada pela grande atuação defensiva dos portugueses e defesas importantes de Ederson. Vidal abriu o placar aos dois minutos do primeiro tempo, mas a facilidade inicial não foi a tônica do jogo. Os “Encarnados” se equilibraram defensivamente e se engraçaram no ataque, mas pararam no goleiro Neuer e na mão de Lahm, não observada pela arbitragem. O resultado deixa o duelo em aberto para o jogo de volta, no Estádio da Luz, valendo vaga na semifinal da Liga dos Campeões.

O sistema defensivo do Benfica merece destaque. Com linhas bem definidas e muita entrega, a equipe de Rui Vitória anulou grande número de jogadas do Bayern, que pressionou, mas teve dificuldades para chegar ao gol de Ederson. E quando chegou, o goleiro brasileiro foi gigante. Foram pelo menos três defesas, uma delas com o pé esquerdo em chute de Ribéry, que deixaram o Benfica vivo na disputa por uma vaga na semifinal da Liga dos Campeões.

Responda